Imprimir Fechar
Braso Oficial
Seminário sobre moranguinhos busca por qualificação

Notícias

Seminário sobre moranguinhos busca por qualificação

O mesmo acontecerá no dia 14, no Parque Municipal
   

A principal identidade de Bom Princípio é a sua fruta símbolo, e assim, nada mais justo que, em meio à grande festa nacional do Moranguinho, haja um seminário voltado saborosa fruta.

O Seminário Regional do Morango terá sua segunda edição no dia 14 de setembro, a partir das 14h. Na pauta, novas tecnologias e perspectivas para a produção de morango com relatos de experiências de produção de moranguinho em todo o Brasil, passando por temas como adubação, manejo integrado de pragas e pós-colheita, além de mesa redonda.

As inscrições são gratuitas e ainda garantem a entrada no Parque do Moranguinho, pelo acesso lateral, enquanto que para o curso sobre moranguinhos é no link http://twixar.me/fkb1 ou também na Emater local.

Com uma produção crescente de morangos, ultrapassando 1 mil toneladas por ano, por 85 famílias, os bom-principienses são referência de qualidade na produção da fruta, tendo, a grande maioria das propriedades, a produção em estufas altas, ficando o moranguinho sobre bancadas de um metro de altura.
De acordo com a secretaria de agricultura, foram adquiridas 632.771 mudas de morango neste ano, através do incentivo da municipalidade, havendo, ainda, outras centenas de milhares de mudas ainda em fase de produção.

Segundo dados da Emater são cerca de 300 pessoas que trabalham diretamente nas lavouras de morango, e outras centenas que atuam de maneira indireta, com a construção de estufas, comercialização de filmes, insumos, transporte, comércio e também na manufatura do produto, podemos dizer que 10% da população local trabalhe, de alguma forma, ligado ao moranguinho. Acredita-se que retorno financeiro direto para o município supere o que é investido pela prefeitura, mas, devemos considerar que, há, também o retorno um retorno elevado ao município e aos munícipes, havendo geração de renda e qualidade de vida.

Além da qualidade que deu fama aos morangos bom-principienses (e ao próprio município), a fruta é uma das principais referências para manter os produtores em suas terras. Inclusive as novas gerações que estão permanecendo nas propriedades e se qualificando para tocarem adiante os negócios das famílias.

Tudo graças a melhorias como a introdução de estufas altas, que aumentaram a produtividade e permitem com que se colha morangos durante o ano inteiro, possibilitam também trabalhar em pé de forma mais confortável, com que não se trabalhe exposto a chuva e que se reduza significativamente o uso de agrotóxicos. Além, claro, da própria produção orgânica, que conta com vários adeptos no município, e dos subsídios pagos pela prefeitura na compra de mudas importadas.

Não por acaso, praticamente 100% da produção bom-principiense é vendida in natura no Ceasa, em Porto Alegre, e em marcados da Região Metropolitana e Serra. E, também não por acaso, o produto é marca de Bom Princípio, com direito a um pórtico de 13 metros de altura, no formato da fruta, no Parque Municipal. Por vezes as pessoas podem achar estranho termos aqui o maior de todos os morangos deste mundo, mas, isso acaba trazendo mais uma referência a Bom Princípio.

Durante a Festa do Moranguinho, serão cerca 2,4 mil amostras da fruta avaliadas na Exposição de Morangos, recebendo troféus de 1º a 3º lugares em cada variedade da fruta (Camarosa, SanAndreas, Albion, Chandler e outras).

No que tange à festa, neste ano, além de destaque para a produção ecológica de grande parte dos morangos que estão sendo expostos no evento, cabe salientar o incremento dos estudos referente ao plantio das frutas, sendo realizado, durante a Festa Nacional do Moranguinho, um amplo seminário de debates e estudos referente à fruta.

A EcoMorango, entidade local, prima pela excelência do produto, seguindo à risca às questões ecológicas, de modo que possa atender um crescente mercado. Além da produção ecológica de morangos, a entidade, que tem apoio da esfera pública, preocupa-se, também, com a produção de outros hortifrutigranjeiros.

Com o incentivo à produção de morangos cria-se um círculo de desenvolvimento tendo por base a mais gostosa fruta do país.

Publicado: 12/09/2019

Acessibilidade


Para navegação via teclado,
utilize a combinação
ALT + TECLA DE ATALHO